Imagens para Compartilhar da Páscoa

Páscoa

Páscoa ou Domingo da Ressurreição

É uma festividade religiosa e um feriado que celebra a ressurreição de Jesus ocorrida três dias depois da sua crucificação no Calvário, conforme o relato do Novo Testamento. É a principal celebração do ano litúrgico cristão e também a mais antiga e importante festa cristã.

 

Principais símbolos da Páscoa e o que significam, ovoscoelhocordeirocírio pascal e outros símbolos.

 

Coelho da páscoa: simboliza a fertilidade e a esperança de vida nova.

 

Ovos de Páscoa: assim como o coelho, o simbolismo dos ovos está relacionado com uma nova vida e com a fertilidade.

 

  

Páscoa Cristã é uma das festividades mais importantes para o cristianismo, pois representa a ressurreição de Jesus Cristo, o filho de Deus.

 

A páscoa, data é comemorada anualmente no primeiro domingo após a primeira lua cheia que ocorre no início da primavera (no Hemisfério Norte) e do outono (no Hemisfério Sul).

A palavra “páscoa” surgiu a partir do hebreu “pessach” (passagem), que segundo a história, marca a libertação do povo judeu escravizado no Egito para a Terra Prometida.

Para os cristãos, a Páscoa significa a passagem de Jesus Cristo da morte para a vida, ou seja, sua ressurreição.

 

 

Entre março e abril (ao fim do período de 40 dias após a Quarta-Feira de Cinzas conhecido como “Quaresma”), os cristãos celebram a Semana Santa, em cujo domingo é comemorada a Ressurreição de Jesus Cristo depois da sua morte por crucificação na Sexta-Feira Santa, por volta do ano 33 d.C.

 

Jesus Cristo ritualizou Sua Páscoa na Ceia ou Missa, dentro do simbolismo e utilizando-se dos elementos da Antiga Páscoa Judaica. Cristo serviu-se do Pão sem fermento e vinho de uva. … O trigo e a uva são símbolos eucarísticos. Dotrigo se faz pão, da uva se faz vinho.

 

girassol, como símbolo da páscoa, representa a busca da luz que é Cristo Jesus e, assim como ele segue o astrorei, os cristãos buscam em Cristo o caminho, a verdade e a vida. O pão e o vinho, sobretudo na antiguidade, foram a comida e bebida mais comum para muitos povos.

Páscoa ou Domingo da Ressurreição é uma festividade religiosa e um feriado que celebra a ressurreição de Jesus ocorrida três dias depois da sua crucificação no Calvário, conforme o relato do Novo Testamento. É a principal celebração do ano litúrgico cristão e também a mais antiga e importante festa cristã.

Já para a civilização cristã, a palavra “Páscoa” tem origem na palavra hebraica “Pessach” que significa “passagem” pois celebra o renascimento de Jesus Cristo e sua ascensão ao céu dois dias depois da sua morte na cruz (sexta-feira santa). Na verdade o animal escolhido foi uma lebre e não um coelho.

 

O dia da Páscoa cristã, que marca a ressurreição de Cristo, de acordo com o decreto do papa Gregório XIII (Ugo Boncampagni, 1502-1585), Inter Gravissimas em 24.02.1582, seguindo o primeiro concílio de Nicéia de 325 d.C., convocado pelo imperador romano Constantino, é o primeiro domingo depois da Lua Cheia.

 

Afinal, o que o coelhinho tem a ver com a Páscoa? Como você deve saber, aPáscoa é uma celebração cristã que comemora a ressurreição de Jesus. No entanto, durante as festividades existe um personagem que aparece por todos os lados, sendo o responsável por entregar ovos de chocolate para as criancinhas bem-comportadas.

Páscoa é um festival que celebra a ressurreição de Jesus ocorrida três dias depois da sua crucificação no Calvário, conforme o relato do Novo Testamento. É a mais antiga e importante festa cristã, um ritual de passagem, assim como a “passagem” de Cristo, da morte para a vida.

A tradição do coelho da Páscoa é mais recente, se comparada à do ovo. O costume surgiu no século XVI, na Alemanha. Os alemães trouxeram o hábito para a América no século XIX. O animal foi associado à Páscoa porque se reproduz rapidamente e simboliza fertilidade e vida nova.

 

Há muito tempo, antes de se pensar na ideia de trocar ovos de chocolate na Páscoa, a tradição girava em torno de ovos de galinha pintados a mão. “Alguns historiadores acreditam que o costume de presentear com ovos coloridos surgiu entre os antigos egípcios, persas e alguns povos germânicos.

 

ovo de chocolate ou ovos de Páscoa, que são uma tradição milenar, passou à ser relacionada ao cristianismo. Costumava-se pintar um ovo oco de galinha de cores bem alegres, pois a Páscoa é uma data festiva que comemora a ressurreição de Jesus Cristo, sendo o ovo um símbolo de nascimento.